Salazar, Abel (Dr.)

Escritor, filósofo, crítico de Arte e professor insigne de Histologia e de Embriologia da Universidade do Porto. Nascido em Guimarães a 19 de Julho de 18889 e falecido no Porto em 29 de Dezembro de 1946. Era filho de Adolfo Salazar, que foi professor da Escola Industrial de Guimarães e bibliotecário da Sociedade Martins Sarmento, ao qual se deve a catalogação da Biblioteca desta Colectividade.

Obras:
  • Ensaio de psicologia filosófica. Porto, 1915. 1 vol.
  • L’Institut d’Histologie et d’Embryologie. Porto, 1925. 1 folh.
  • Notes de laboratoire. Coimbra, 1932. 1 folh.
  • Procédé rapid de dessin rnicroscopique. Coimbra, 1932. 1 folh.
  • Travaux de l’Institut d’Histologie et d’Embryologie. Porto, 1933. 1 folh.
  • A posição actual da ciência, da filosofia e da religião. Lisboa, 1934. 1 folh.
  • Urna primavera em Itália. Lisboa, 1934. 1 folh.
  • A posição actual da ciência e da filosofia. Lisboa, 1934. 1 folh.
  • Le noveau Institut d’Histologie et d’Embryologie de La Faculté de Medecine. Porto, 1934. 1 folh.
  • Colaboração na «Revista de Guimarães»:
  • A Sciencia e a Arte. (Vol. 1,1884, p. 77).
  • As Artes mechanicas. (Vol. II, 1885, p. 36).
  • Carta a uma Senhora. (Vol. IV, 1887, p. 165).
  topovoltar