Progresso Catholico, O
de 1878 a 1905 (Rev.Religiosa, científica, literária, artística, noticiosa e crítica)

O Progresso Catholico (1878). Revista religiosa, científica, literária, artística, noticiosa e crítica. Órgão da União Católica em Portugal. Publicação quinzenal, com 8 páginas. Composto na Imprensa Comercial, Porto, Rua dos Lavadouros, n.º 16, excepto os números 1 e 6 do 2.º ano, que foram impressos em Braga. Livraria Editora de Teixeira de Freitas, Rua de S. Dâmaso, 29 a 35 — Guimarães.
Saiu o primeiro número em 30-10-1878 e foi até o n.º 24 do XVI ano, de 15-12-1894. Do n.º 1 do XVII ano em diante (1895) passou a ser datada do Porto, perdendo por isso, e nesta altura, o título de revista de Guimarães, ou melhor, de edição vimaranense.
Do n.º 11 do IV ano (31-3-1882), até final, principiou a ser regularmente ilustrada.
O primeiro número do 4.º ano, indica como Director, Teixeira de Freitas. Em 1894 teve como Redactor, Padre Gaspar Roriz, e como Administrador, Simão Neves. Na Sociedade não existe o ano de 1893.
Depois de passar a ser datada do Porto, continuou ainda com o mesmo formato, mais ilustrada e seguindo a mesma orientação, tendo como editor e administrador José Frutuoso da Fonseca.
Mais tarde, figura como redactor, António Peixoto do Amaral. Tipografia de José F. da Fonseca, Picaria, 74. Foi, parece, até o n.º 24 (15-12-1905) do XXVII ano.

  topovoltar