Espólio da Casa do Costeado

Conjunto de itens

Descrição

A Casa do Costeado situa-se na freguesia de São Miguel de Creixomil. O atual edifício foi construído maioritariamente na primeira metade do século XIX, enobrecendo uma propriedade agrícola documentada pelo menos desde o final do século XVI. Entre as diversas gerações de ocupantes da Casa, destacam-se os Barão e Baronesa de Costeado, António de Nápoles Vaz Vieira de Melo e Alvim, filho segundo da Casa do Toural e Senhor do Costeado por matrimónio, e Ana Peregrina Freire de Andrade Coelho de Bento de Palhares, descendente dos Lobatos Palhares, Senhores do Costeado e Morgados de Trute (Monção) e de Torrados (Felgueiras). Falecidos sem descendência em 1857 e 1856, respetivamente, foram herdeiros dos Barões uma sobrinha e uma sobrinha-neta, filha daquela: Maria da Conceição Vaz Vieira de Melo e Nápoles e Maria José do Amaral Castelo Branco e Noronha.

A Casa permaneceu na posse da família até à sua aquisição pela Câmara Municipal de Guimarães, em 2018, com vista à instalação de um Hotel-Escola integrado no Instituto Politécnico do Cávado e do Ave. Ciente da importância do seu passado e assumindo a responsabilidade cívica de preservação da memória, a família do Costeado entregou o espólio documental da Casa à Sociedade Martins Sarmento, garantindo a sua preservação e o acesso de investigadores e curiosos a uma coleção única, cujos testemunhos se estendem desde a primeira metade do século XIV até à década de 1980.

Referências:

FERRÃO, Bernardo; AFONSO, José Ferrão – Edificações do Centro Histórico e sua Envolvente com Interesse Patrimonial (Fichas). S.l: si., s.d. Disponível em: https://www.cm-guimaraes.pt/cmguimaraes/uploads/writer_file/document/816/470415.pdf

Moraes, Maria Adelaide Pereira de – Velhas Casas III. Creixomil (Guimarães). Separata do Boletim de Trabalhos Históricos (1971).

Itens

Pesquisa avançada