Sociedade Martins Sarmento

Jardim e Claustro

A Sociedade Martins Sarmento é uma instituição cultural de utilidade pública sem fins lucrativos fundada em Guimarães em 1881 em homenagem ao arqueólogo e etnógrafo vimaranense Francisco Martins Sarmento, cujos estudos científicos atraíram para Guimarães a atenção dos principais centros da cultura europeia do seu tempo.

A sede da SMS ocupa o claustro gótico e o jardim do extinto Convento de S. Domingos e um imponente edifício concebido no início do séc. XX pelo Arquitecto Marques da Silva, cuja edificação foi concluída em 1967.

O Museu da SMS é um dos mais antigos e mais importantes museus arqueológicos portugueses. Foi instituído em 1885, com o espólio recolhido por Martins Sarmento nas prospecções que realizou na Citânia de Briteiros, no Castro de Sabroso e em inúmeros sítios arqueológicos do Noroeste de Portugal. Ao longo do tempo, foi enriquecido com os achados de escavações que promoveu e com diversos legados, possuindo hoje um acervo ímpar no contexto da Cultura Castreja do noroeste peninsular. Para além das colecções de arqueologia, o Museu da SMS possui importantes colecções de etnografia, numismática e arte contemporânea.

A Biblioteca da Sociedade Martins Sarmento dispõe de perto de cem mil volumes, destacando-se o fundo de livro antigo, de dimensão e qualidade excepcionais, e o Fundo Local, que integra praticamente tudo o que se tem publicado em Guimarães, sobre Guimarães ou de autores vimaranenses, para além de importantes fundos especializados em áreas como a história, a arqueologia, a etnografia, a medicina, o direito, a religião. Dispõe ainda de uma vastíssima colecção de revistas científicas, nacionais e estrangeiras.
A hemeroteca da SMS integra as colecções dos jornais editados em Guimarães desde 1822.

No arquivo documental da Sociedade Martins Sarmento estão depositadas cerca de trinta mil peças, sendo as mais antigas do século XII, com realce para uma importante colecção de pergaminhos e para o Foral de Guimarães de 1507, para além dos espólios de diversos investigadores e escritores (Martins Sarmento, Abade de Tagilde, Albano Bellino, João de Meira, João Lopes de Faria, etc.).

A SMS tem sob sua responsabilidade a guarda, conservação e a supervisão técnica e científica das estações arqueológicas da Citânia de Briteiros e do Castro de Sabroso. É também proprietária dos seguintes monumentos arqueológicos: Mamoa de Donai (Bragança), Dólmen de Pera do Moço (Guarda), Gruta pré-histórica das Coriscadas e Penedo de Cuba (de Marco de Canaveses), Forno dos Mouros e Laje dos Sinais (Barcelos), Mamoa da Bouça da Agrela ou da Gândara, Mamoa da Bouça Nova, um penedo com círculos concêntricos e de um penedo com fossettes (Guimarães).

O órgão da SMS é a Revista de Guimarães, uma das mais antigas e prestigiadas publicações periódicas de carácter científico portuguesas (publica-se desde 1884).

RSS Notícias

  • DIA MUNDIAL DO LIVRO II 2024 - “ARGONÁUTICA” DE APOLÓNIO DE RODES 23/04/2024
     DIA MUNDIAL DO LIVRO II 2024 “ARGONÁUTICA” DE APOLÓNIO DE RODES Comemorando o Dia Mundial do Livro, e assinalando os 125 anos que passam sobre a morte de Francisco Martins Sarmento, a Sociedade Martins Sarmento destaca da Biblioteca Pessoal do seu patrono o livro em grego, “Argonauticon librii IIII”, de Apolónio de Rodes, com edição de 1574, […]
  • Inauguração da exposição "Portugal 50 Anos Depois" 22/04/2024
      Inauguração da exposição "Portugal 50 Anos Depois", que se realizou na Galeria de Exposições Temporárias da SMS, no passado sábado, integrada na programação "Abril com Cantigas do Maio".
  • Nota de pesar - Dr. Fernando Conceição 17/04/2024
       A Sociedade Martins Sarmento manifesta o seu profundo pesar pelo falecimento do Dr. Fernando Dias de Carvalho Conceição, sócio n.º 9 desta Instituição, na qual tinha sido admitido em fevereiro de 1968, pela Direção então presidida pelo Coronel Mário Cardozo. Foi um ativo sócio da Sociedade Martins Sarmento, tendo desempenhado o cargo de Presidente da […]
  • Portugal 50 anos depois - Abril com Cantigas do Maio 17/04/2024
          Normal 0 21 false false false PT X-NONE X-NONE /* Style Definitions */ table.MsoNormalTable {mso-style-name:"Tabela normal"; mso-tstyle-rowband-size:0; mso-tstyle-colband-size:0; mso-style-noshow:yes; mso-style-priority:99; mso-style-parent:""; mso-padding-alt:0cm 5.4pt 0cm 5.4pt; mso-para-margin-top:0cm; mso-para-margin-right:0cm; mso-para-margin-bottom:8.0pt; mso-para-margin-left:0cm; line-height:107%; mso-pagination:widow-orphan; font-size:11.0pt; font-family:"Aptos",sans-serif; mso-ascii-font-family:Aptos; mso-ascii-theme-font:minor-latin; mso-hansi-font-family:Aptos; mso-hansi-theme-font:minor-latin; mso-font-kerning:1.0pt; mso-ligatures:standardcontextual; mso-fareast-language:EN-US;} Portugal 50 anos depois - Abril com Cantigas do Maio Inauguração da Exposição: 19/04/2024 […]
  • Prémio de História Alberto Sampaio 2024 03/04/2024
     
  • UM MÊS, UMA PEÇA - Abril - Peitoral de couraça séc. XVI - Sociedade Martins Sarmento 02/04/2024
    Ao longo de 2024, a Sociedade Martins Sarmento (SMS) estuda e expõe em detalhe peças do seu acervo museológico, com o objetivo de partilhar um pouco da história dessas coleções. A peça em destaque do mês de abril é um peitoral de couraça do séc. XVI, que é acompanhado por mais um peitoral e um […]
  • Ciclo de Conferências "Um salão para falar e um quarto para escrever", 2º Centenário da morte de Catarina de Lencastre 02/04/2024
     No próximo sábado, dia 6 de abril de 2024, pelas 16h00, irá realizar-se, no salão nobre da SMS, a primeira sessão do ciclo de conferências "Um salão para falar e um quarto para escrever", onde se assinala o 2º centenário da morte de Catarina de Lencastre. Celebram-se, em 2024, os 200 anos da morte de Catarina […]
  • Herbário de Cor - Oficinas de Primavera - Serviço Educativo SMS 19/03/2024
      Herbário de Cor - Oficinas de Primavera - Serviço Educativo SMS O Serviço Educativo da Sociedade Martins Sarmento irá organizar oficinas de Primavera, durante as manhãs dos dias 26 e 27 de março de 2024, na Sede da SMS. O objetivo destas oficinas é estimular as crianças e os jovens a observar a natureza e a transformar […]