Marco miliário.

Título

Marco miliário.

Descrição

Encontrado numa bouça da freguesia de Prado (Braga). Fazia parte da via romana de Braga por Tui. Oferta da Viúva de Albano Belino, em 1907. Interpretação: Tibério César, filho do divino Augusto, neto do divino Júlio Augusto, Pontífice Máximo, saudado Imperador oito vezes, Cônsul cinco vezes, do Poder Tribunício trinta e quatro vezes. Desde Braga Augusta até aqui são (...mil?) …passos. (NOTA—O passo romano e Leitura: [Ti(berius) Caesar, Di]vi Aug(usti) f(ilius), Di[vi Iuli nepo]s Aug(usti) Pont(ifex) [Ma x(imus.), imp(erator) VIII Co n[s(ul.) V, Trib(unicia)] Potest(ate) [XXXIIII, Brac(ara) Aug(usta) ... (milia passuum)] Invocação: TIBERIVS (14-37 p.C.)

Pertence

Epigrafia

Formato

Dimensões: da coluna: 0,66x0,62.
Altura das letras: 0,09.

Localização Espacial

Freguesia de Prado (Braga). Encontra-se atualmente exposta no Museu Arqueológico da SMS.

Identificador

77

Citações

Corpus Inscriptionum Latinarum, II, n.º 4869; Argote, Memórias, II (1734), p. 688; Martins Capela, Miliários do Convento Bracaraugustano, p. 89, n.º 3