Monumentos da SMS

Conjunto de itens

Título

Monumentos da SMS

Descrição

A Sociedade Martins Sarmento, para além de administrar a Citânia de Briteiros e o Castro de Sabroso, é proprietária de um conjunto de sítios e monumentos arqueológicos distribuídos pelos distritos de Braga, Bragança, Guarda e Porto, que foram entregues à guarda da SMS por intervenção de Martins Sarmento, que, nuns casos, arcou com os custos das aquisições, e, nos outros, intercedeu junto dos respectivos proprietários para que os doassem a à Sociedade. Ao arqueólogo se deve também a iniciativa que conduziu à aprovação, em 1889, de uma lei que passou a permitir que instituições como a SMS pudessem adquirir «edifícios com carácter de monumentos históricos, ruínas, inscrições, dólmenes e terrenos próprios para estudos experimentais e explorações arqueológicas ou de outra natureza, mas unicamente científica ou literária».

Itens

Pesquisa avançada