Quinta-Feira Santa em Sevilha

Descrição

Retrato de duas sevilhanas a meio corpo.

Data

s/d (meados do séc. XX).

Abrangência espacial

Tipo

Óleo s/tela

Formato

1600x1130 mm

anotações

RICARDO NAVARRO POVÉS (1914-1967). Nasceu em Valência, Espanha, a 22 Dezembro 1914. Pintor e desenhador. Foi discípulo de Louis Mestre. Embora espanhol de origem, fez a sua educação em França (Marselha), e muito novo revelou a sua grande vocação para o desenho e pintura. Apenas com 13 anos de idade, conseguiu todos os prémios da Academia marselhesa. Aos 17 expôs no Salon (Paris) e, aos 23, expôs com grande sucesso na Galleria della Barcaccia, em Roma. Depois de ter exposto em Itália e França, tal como em Espanha, Ricardo Navarro Povés mostrou a sua pintura em Portugal, no Estúdio do Secretariado de Propaganda Nacional, em Lisboa (1943). Seguiram-se outras exposições individuais no Salão Silva Porto, Porto (1944 e 1945); Salão Fantasia, Porto (1946); Lisboa (1949); no salão de "O Primeiro de Janeiro", Coimbra (1952, 1960 e 1965); Salão de leitura do Palácio Hotel, Espinho (1953); Posto de Turismo, Coimbra (1964); Embaixada de Espanha, Lisboa (1964); Ateneu Comercial do Porto (1965). Participou em exposições colectivas no Salão do Estoril (1943); na XLVI Exposição Anual de Pintura a Óleo e Escultura da Sociedade Nacional de Belas Artes, Lisboa (1949). Partiu para o Brasil, em Fevereiro de 1966, a fim de preparar novas exposições. Ali faleceu inesperadamente, no dia 7 Outubro 1967. No ano imediato, a Sociedade Nacional de Belas Artes promoveu-lhe uma exposição de homenagem, em Lisboa. Encontra-se representado, entre nós, no Museu da Fundação Calouste Gulbenkian (Lisboa); Museu Municipal Dr. Santos Rocha (Figueira da Foz) e Sociedade Martins Sarmento. Em 1943 ganhou o prémio: 3ª medalha do Salão de Estoril.

Conjuntos de itens